segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Infâncias e juventudes negras no Sul da Bahia é o tema de colóquio do Kàwé, na UESC

O Kàwé (Núcleo de Estudos Afro-Baianos Regionais) do Departamento de Letras e Artes da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) realiza o Colóquio “Infâncias e Juventudes Negras no Sul da Bahia” nos dias 24 e 25 de outubro. O evento está aberto à comunidade acadêmica e ao publico interessado. As inscrições podem ser feitas no auditório Paulo Souto ou através do sitewww.uesc.br/eventos/.

De acordo com a professora Valéria Amim, coordenadora do Kàwé, “o objetivo é discutir a infância e a juventude negras e seus modos de vida e socialização na contemporaneidade, traduzidas em expressões educacionais e culturais como a dança, a música, a religiosidade e as novas estéticas”.

“A natureza  multidisciplinar  das discussões e atividades coloca em pauta a abordagem dessas expressões como políticas do viver e estratégias de negociação e luta das crianças e dos jovens negros em escolas, ruas e periferias das cidades brasileiras, no enfrentamento da violência, da exclusão e do preconceito,” frisa a professora.



O colóquio será aberto às 8h30min de terça-feira (24) com uma temática desenvolvida por Flávia Damião(UFBA), Marcos Bandeira (Itabuna) e Ruy Póvoas (UESC). O evento prossegue até o dia 25 com as discussões e debates dos quais participam professores, líderes comunitários baianos e cariocas. 

0 comentários:

Postar um comentário