terça-feira, 28 de agosto de 2018

Regimento interno do Conselho Municipal de Turismo será aprovado amanhã


Os membros do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) escolheram uma comissão para elaborar o seu regimento interno, que discutiu o processo de análise para a elaboração das normas, na última sexta-feira, 24. O regimento reajustado com os destaques feitos pelos membros será apresentado na assembleia extraordinária desta quarta-feira (29), às 15 horas, no salão de reuniões do Palácio Paranaguá.
O Comtur é formaado por representantes do Poder Público, iniciativa privada e terceiro setor, nomeados pelo prefeito Mário Alexandre por meio do Decreto 036/2018. A diretoria Tripartite do Comtur eleita para o biênio 2018-2020, é composta por presidente, Jacks Rodrigues, servidor vinculado à Secretaria de Turismo e Esportes (Setur); vice-presidente, empresário Rafael Espírito Santo, atual presidente da Associação de Turismo de Ilhéus (Atil) e Marcos Antonio Lessa, representante do terceiro setor, pela Federação das Associações de Moradores de Ilhéus (Fami).


O colegiado tem como objetivo principal formular e executar a política municipal de turismo, visando criar condições para o aperfeiçoamento e desenvolvimento, em bases sustentáveis, da atividade turística no município, de forma a garantir o bem estar de seus habitantes e turistas e o resguardo do patrimônio natural e cultural da região. Também compete ao conselho, acompanhar a elaboração e aprovar o inventário da oferta turística, elaborar propostas de valorização da cultura e dos costumes da população local e do patrimônio artístico, arquitetônico, histórico e turístico, indicar ações para atendimento com recursos do Fundo Municipal de Turismo, apoiar o desenvolvimento do produto turístico, por meio da mobilização e sensibilização da comunidade, fomentar a certificação de atividades e empreendimentos turísticos no município, entre outras atribuições.
Segundo Maria do Socorro Mendonça, presidente do Instituto Nossa Ilhéus e conselheira, após aprovação do regimento interno, as câmaras técnicas serão formadas e a partir daí serão iniciados os trabalhos. “A participação da sociedade civil no governo se dá através dos conselhos de politica pública. Devemos ter como referencia, por exemplo, o conselho municipal de cultura que já tem o seu sistema implementado no município. Iremos desenvolver um plano de turismo e executar as ações que forem elencadas por essa governança tanto neste governo, quanto nos que virão.” ressalta.

0 comentários:

Postar um comentário